QUAL A RELAÇÃO DA NUTRIÇÃO COM O CÂNCER DE PRÓSTATA?

O câncer de próstata é muito recorrente na população masculina, sendo o segundo tipo de câncer mais comum entre os homens. A fim de chamar atenção para esse fato e gerar mais debate sobre o tema, em 2003 foi criado o Novembro Azul, na Austrália, que rapidamente se difundiu pelo mundo.

 

Alguns fatores influenciam na maior incidência da doença, como a idade, o histórico familiar e a alimentação. Homens a partir dos 40 anos já devem começar a fazer os exames necessários para prevenir ou detectar o câncer de próstata, pois nessa idade os casos começam a aumentar consideravelmente. Pessoas que possuem parentes de primeiro grau que já foram acometidos pela doença devem reforçar seus cuidados de prevenção, já que também sofrem riscos maiores de desenvolvê-la. Apesar da taxa de mortalidade não ser das maiores, considerando todos os tipos de câncer, o diagnóstico precoce da doença é fundamental para o seu tratamento e cura, o que reforça ainda mais a necessidade da realização dos exames de detecção.

 

Bons hábitos alimentares são fundamentais para prevenção, não somente do câncer de próstata, mas da grande maioria dos outros tipos também. Alimentos funcionais e nutracêuticos são especialmente efetivos na prevenção e até tratamento dessa doença, evidenciando que manter uma alimentação saudável é muito importante para evitar esse mal. A recomendação é seguir uma dieta equilibrada e que contemple todos os nutrientes indispensáveis, com foco no consumo de alimentos que naturalmente possuem antioxidantes e outras substâncias anticancerígenas.

 

Leia Mais: Você já conhece a Nutrição Ayurvédica?

 

Assim, é essencial o consumo de alimentos como frutas, verduras, legumes, cereais, alimentos integrais, óleos vegetais e peixes ricos em ômega-3. São exemplos de alimentos com essas propriedades o tomate, a goiaba, brócolis, couve, repolho, rabanete, cenoura, linhaça, cacau, azeite de oliva e oleaginosas. Entre os peixes, podemos destacar o salmão, a sardinha e o atum. Ainda, é importante salientar que também existem certos tipos de alimentos que devem ser evitados, como os ultra processados, industrializados, embutidos ou com excesso de açúcar, sódio e gorduras.

 

É relevante ressaltar também que a consulta com um nutricionista, é capaz de fazer orientações individualizadas a cada paciente, muito importante em todas fases da vida, pois a nutrição adequada ajuda a prevenir não só o câncer de próstata, como outros tipos de câncer e também outras doenças. Devemos ter em mente que a nossa idade e o nosso histórico familiar não podem ser alterados, mas o nosso padrão alimentar sim. Portanto, manter uma alimentação adequada e saudável é fundamental para reduzir os riscos do desenvolvimento da doença, assim como para o seu tratamento.