Como é exatamente a profissão de Estética e Cosmética?

O mercado da estética aumenta a cada ano, sendo o Brasil um dos principais consumidores de cosméticos e tratamentos estéticos do mundo. Apesar dessa crescente demanda, muitas pessoas ainda se questionam: como é exatamente o trabalho de um profissional de Estética e Cosmética?

O esteticista, portanto, é um profissional especializado em beleza e bem-estar. Sua área de atuação é muito ampla, englobando embelezamento corporal, facial e capilar. Assim, além de poder trabalhar na área de pesquisas, o profissional da estética também pode praticar seu ofício em diversos locais, como clínicas de estética e salões de beleza. Em SPAs, por exemplo, o esteticista pode integrar uma equipe multidisciplinar, em conjunto com outros profissionais, como biomédicos, nutricionistas, dermatologistas, fisioterapeutas, cirurgiões, entre outros.

Mas esteticista só “passa creminho e faz massagem”? Nada disso! Esse profissional atua se valendo de profundo suporte científico em suas técnicas, trabalha também aumentando autoestima e autoconfiança dos pacientes, deixando as pessoas mais felizes, saudáveis e bonitas. Além disso, é um profissional que deve estar sempre atento às novidades do mundo atual, inovando e conquistando cada vez mais seu espaço dentro dos cuidados em saúde.

Na estética corporal, o esteticista atua realizando tratamentos para gordura localizada, celulite, flacidez, pré e pós-operatórios de cirurgia plástica, estrias, massagens, drenagem linfática, depilação e podologia, entre outros. Na estética facial, a atuação busca a melhora da aparência da pele da face, através de limpeza de pele, peelings, tratamento de acne, manchas, flacidez de pele, rugas, cicatrizes e uma infinidade de procedimentos para deixar as pessoas com a pele saudável e com boa aparência.

A profissão ainda conta com técnicas de maquiagem e visagismo, onde há a escolha do corte de cabelo, cor e penteados ideais que harmonizem e valorizem a face. A terapia capilar também realiza tratamentos, evitando ou tratando doenças e transtornos que causam a queda e afinamento do fio capilar.


E aí, identificou-se com a profissão? Gosta de maquiagem, depilação, cuidar da face, corpo, cabelos, lidar com muitos cosméticos e, principalmente, quer ver todo mundo bonito, saudável e com a autoestima nas alturas? Então quem sabe a profissão de estética e cosmética não seja a realização de um sonho?


Quando trabalhamos com o que gostamos e com amor, não temos trabalho, e sim prazer e satisfação!